21/02/2024
0 0

DANÇAS POPULARES PERNAMBUCANAS

Com destaque para o Frevo, a Ciranda, Coco, Maracatu.

A oficina trabalha com a prática e a reflexão sobre o papel da dança na sua relação com a educação corporal no processo da formação da cidadania, da expressão artística e cultural e da obediência natural de ordem interior.

A oficina visa proporcionar o conhecimento, a valorização, a conscientização a visibilidade da cultura pernambucana, através da criação de uma memória corporal, se utilizando de um processo estético e educativo que promova a auto-estima da criança e do adolescente pertencente a diferentes culturas.

Na oficina são aplicadas técnicas da dança  que proporcionam uma maior compreensão dos objetivos da atividade. A necessidade de expressão é inerente ao ser humano e cada arte tem um instrumento e um meio. O instrumento da dança é o corpo e o meio é o movimento.

Esta oficina oferece turmas para públicos em diferentes faixas etárias: crianças, jovens e adultos.

As Oficinas de Danças Populares são aplicadas por Gil Silva e Bruno Vasco, no Bairro Vila Bela, CEU DAS ARTES e Estação do Forró.

Previous post INICIAÇÃO AO TEATRO
Next post Secult-PE divulga o resultado final dos oito editais da Lei Aldir Blanc